domingo, 9 de dezembro de 2012

Adeus Petra. Foste uma retardada exemplar.

Hoje não posso escrever nada profundamente inteligente como as redacções de elevado valor literário que habitualmente escrevo porque estou demasiado ocupado a absorver os últimos minutos da Petra na Casa.

Vou ter saudades:
- da Petra a guinchar que nem uma égua a toda a hora
- da Petra a espremer as mamas a toda a hora
- da Petra a fazer broches sempre que a sobremesa era banana
- da Petra a desmaiar porque não consegue acabar uma discussão depois de tanto guincho
- da Tatiana a perguntar à Petra "vais demáiáre ou vais-me bátére?"
- da Petra a querer mandar bofetadas nas concorrentes, com as nalgas de fora e aos saltos como o anúncio da gelatina Royal
- da Petra a ganir todo o santo dia que além de professora da primária é Mestre e que toma dezenas de comprimidos por dia.
- da Tatiana a dizer à Petra que se fosse como ela esfregaria a cara com merda.

Ahhh *suspiro* vou ter saudades tuas Petra. Se eu tiver filhos, quiçá não nos cruzaremos na reunião de avaliação. Quero muito ouvir o que terás para dizer.

Update de última hora: Petra é expulsa. "O que é que eu fiz????"

2 comentários:

Xs disse...

Não faço ideia quem é a rapariga, mas a cada blog que vou, é cada blog que fala do mesmo!
Ando mesmo fora de antena!

Rute Roquefort disse...

A minha querida amiga Petra é só um reflexo da sociedade actual. E se ela se aguentou tanto tempo na casa, é porque há por aí muito boa gente que se identifica com ela.

Beijinhos fofinhos e natalícios.