sábado, 6 de dezembro de 2014

Boas Influências

O bom de se ter um amigo como eu é a facilidade com que eu permito que os meus amigos se soltem dos seus tabus e falem sobre tudo como se estivessem a falar do que jantaram ontem. Menos couves de Bruxelas. Isso é tabu. Porque são nojentas e quando se trincam lançam aquele molho de peido e isso faz-me lembrar... bem, adiante.

Por estarem à vontade comigo, permito todo o tipo de mensagens desde que a outra pessoa se sinta mais liberta após descarregar aquele palavreado obsceno todo. Nem que essa partilha de desabafos crie imagens na minha cabeça que eu não gosto de ter dos meus amigos. Mas como eu disse, sou um permissivo. 

Infelizmente, isto tem os seus contras. O dicionário inteligente do iphone vai-se adaptando ao tipo de linguagem utilizado e faz as sugestões mais práticas possíveis com base nas conversas mais frequentes, para evitar cargas de trabalhos no dia-a-dia. Dito isto, ontem ele desempenhou o seu papel:

Amiga - Mãe, já depositei os 250 euros na tua cona. Beijos

Espero que a senhora mãe não esteja ainda de forma desenfreada à procura deles...



1 comentário:

Linda Porca disse...

A mim já me mandaram um mail a dizer "Abre uma cona no messenger" (no tempo do messenger). Parecia mesmo conversa de ir ao...